+ - L T

No seu local de trabalho tem psicóloga/o?

No seu local de trabalho tem psicóloga/o?


Buscando valorizar e das visibilidade ao trabalhos da/o psicóloga/o da área do trabalho e das organizações, o CRPRS lança campanha, com o objetivo de informar à categoria e à sociedade. 
Confira a agenda de atividades da Comissão de Psicologia Organizacional e do Trabalho.

›› Confira o vídeo do live no Facebook sobre o tema, com a conselheira Cibele Moro, realizado em em 08/11, às 17h

 

›› Saiba mais sobre a Psicologia Organizacional e do Trabalho

O campo da Psicologia relacionado ao trabalho e às organizações é uma das principais frentes de atuação da profissão e de inserção no mercado laboral para psicólogas/os. Considera-se o trabalho como uma das dimensões da constituição psíquica e como fonte de identidade social, ao mesmo tempo em que as organizações se constituem em importante meio para as pessoas realizarem seus objetivos pessoais e profissionais. Nesse sentido, o trabalho e as organizações são âmbitos complementares nessa grande área chamada Psicologia Organizacional e do Trabalho.

Partindo-se do princípio de que as organizações são sistemas complexos, a atuação da Psicologia poderá se dar em diferentes níveis: individual, grupal e voltado à própria organização/instituição. A análise e a intervenção sobre os processos de trabalho compreenderão esses diversos níveis organizacionais em interação. Além disso, as/os profissionais da área deverão considerar as influências mútuas junto às demais instâncias sociais, bem como o contexto social, econômico e político em que se inserem.

As/Os profissionais da Psicologia podem atuar tanto em níveis estratégicos, na definição de políticas e diretrizes organizacionais, como em níveis técnico-operacionais, contribuindo na implantação das práticas em gestão de pessoas. As/Os psicólogas/os podem estar inseridos no corpo técnico das organizações ou atuar mediante assessorias/consultorias, podendo integrar, em ambos os casos, equipes multiprofissionais. Além disso, psicólogas/os também podem atuar vinculados a entidades sindicais, associações de classe e órgãos vinculados a políticas em saúde dos trabalhadores.

De modo transversal, a atuação da Psicologia Organizacional e do Trabalho contribui para a melhoria das relações laborais, para o fortalecimento das equipes de trabalho, para o desenvolvimento de um trabalho digno e para a inclusão das pessoas. A/O psicóloga/o deverá garantir proteção à saúde mental dos trabalhadores, bem como desenvolver ações e encaminhamentos que se façam necessários para a diminuição do sofrimento humano.

As atividades são amplas e diversificadas, tendo como base as técnicas de intervenção consolidadas profissionalmente, como pesquisa em Psicologia, avaliação psicológica, aconselhamento, intervenções em grupos, entrevistas, entre outras. A/O psicóloga/o contribui na elaboração, implantação e acompanhamento das políticas de gestão de pessoas. Também elabora programas de melhoria de desempenho, otimizando as competências individuais e setoriais e considerando os aspectos motivacionais relacionados ao trabalho. 

Pode atuar, ainda, no estudo e no planejamento das condições e processos de trabalho, análise e desenvolvimento organizacional e de equipes, recrutamento, seleção, acompanhamento, desenvolvimento de pessoal e orientação de carreira. Também são realizadas intervenções dirigidas à qualidade de vida no trabalho, segurança, prevenção e promoção da saúde dos trabalhadores.

No âmbito da saúde do trabalhador, a/o psicóloga/o atua no apoio às equipes de gestão e saúde, auxiliando a aprofundar o olhar das organizações para os processos saúde-doença, principalmente no tocante à saúde mental relacionada ao trabalho. A/o profissional também atua no apoio aos trabalhadores em sofrimento e junto a equipes multiprofissionais no (re) desenho e (re) planejamento do trabalho e reabilitação profissional. Além disso, auxilia no fomento de estratégias coletivas e individuais de proteção aos agravos à saúde dos trabalhadores.

  • No seu local de trabalho tem psicóloga/o?
  • O seu terapeuta é psicólogo?
  • A Psicologia faz a diferença
  • Diversidade
  • Sites credenciados para atendimento online
  • 9º CNP