+ - L T

Atividades do CRPRS

15/06/2018

Santa Maria

13h às 20h30

Comissão de Direitos Humanos

Núcleo do Sistema Prisional

Seminário “Sistema prisional: entre grades e possibilidades”.

Local: Auditório do Centro de Ciências Sociais e Humanas (rua Floriano Peixoto, 1.187) da Universidade Federal de Santa Maria

A Comissão Gestora da Subsede Centro-Oeste do CRPRS promove na sexta-feira, 15/06, o seminário “Sistema prisional: entre grades e possibilidades”. O encontro, definido a partir de uma proposta dos integrantes do Núcleo do Sistema Prisional da subsede, tem o objetivo de oferecer um debate ético sobre o sistema na ótica das/os psicólogas/os. O seminário ocorre no auditório do Centro de Ciências Sociais e Humanas (rua Floriano Peixoto, 1.187) da Universidade Federal de Santa Maria a partir das 13h.



Informamos que o local de realização do evento possui 150 lugares, e o CRPRS não limita o número de inscrições na atividade. O ingresso das/os inscritas/os no local será por ordem de chegada e, por isso, recomendamos que as/os inscritas/os façam o credenciamento entre as 13h e 13h30, conforme a programação.

A programação prevê palestras e debates multidisciplinares, com a presença de representantes do poder judiciário, do sistema prisional e das ciências sociais. Segundo Gabriel Marcelo Moresco, coordenador do Núcleo do Sistema Prisional da subsede, o objetivo do seminário é debater possibilidades que invistam na ruptura do modelo de encarceramento, que tem se mostrado ineficaz do ponto de vista da segurança pública.

“A opção do encarceramento em massa tem se mostrado a única alternativa de gestão do poder público frente ao problema da segurança e da violência. Frente a isso, é urgente a necessidade de orientar a categoria sobre essa pauta”, explicou. Moresco lembrou que o Brasil já tem a terceira maior população carcerária do mundo e ostenta os maiores índices de crescimento entre os países democráticos.

O seminário será aberto com palestra da psicóloga Sandra Correia, da Unidade Materno Infantil do Presídio Feminino Madre Peletier, em Porto Alegre, e especialista em segunça pública e cidadania pela UFRGS. Também haverá uma mesa de debates com o sociólogo Luis Antônio Bogo Chies, professor da Universidade Católica de Pelotas e vinculado ao Programa de Pós-graduação em Política Social.

A conferência de encerramento está a cargo do juiz da Vara de Execuções Penais de Joinville (SC), João Marcos Buch, que é membro do Conselho Executivo de Juízes para a Democracia. Ele abordará o tema dos direitos humanos e do sistema carcerário do país. Confira a programação do evento na íntegra:

13h – Credenciamento

13h30 – Mesa de Abertura: Patrícia de Moraes Silva, conselheira do CRPRS; Gabriel Marcelo Moresco, coordenador do Núcelo do Sistema Prisional da Subsede Centro-Oeste; e Fernanda Fachin Fioravanzo, conselheira do CRPRS e coordenadora do Núcleo do Sistema Prisional do Conselho.

14h – Palestra “Por uma Psicologia desencarceradora de mulheres”, com a psicóloga Sandra Correia, especialista em segurança pública e cidadania pela UFRGS; Mediação de Alice Carvalho da Silva dos Santos, acadêmica em Psicologia da Universidade Franciscana e colaboradora da Subsede Centro-Oeste.

15h – Debate

15h30 – Palestra “Prender, soltar; largar ou acompanhar”, com o sociólogo Luis Antonio Bogo Chies, doutor em Sociologia pela UFRGS e professor-adjunto da Universidade Católica de Pelotas; Mediação de Suleima Gomes Bredow, assistente social da Susepe e integrante do Núcleo do Sistema Prisional da Subsede Centro-Oeste.

16h30 – Debate

17h – Intervalo e espaço cultural

18h – Conferência de encerramento: “Direitos humanos e sistema carcerário”, com João Marcos Buch, juiz da Vara de Execuções Penais de Joinville (SC); Mediação de Rodrigo Flores dos Santos, advogado da Susepe e integrante do Núcleo do Sistema Prisional da Subsede Centro-Oeste.

19h30 – Debate

20h30 – Encerramento.

Notícia Relacionada: Santa Maria sedia debate sobre sistema prisional em 15/06

  • Encontro Gaúcho da Psicologia
  • O seu terapeuta é psicólogo?
  • No seu local de trabalho tem psicóloga/o?
  • A Psicologia faz a diferença
  • Diversidade
  • Sites credenciados para atendimento online